Páginas

sábado, 11 de março de 2017

MAMMILLARIA THERESAE


Nome : Mammillaria theresae
Syn.: Mammillaria sabote ver. Theresae





(foto de Ernesto Lins)

É uma das espécies de Mammillarias mais procuradas por colecionadores. Planta de pequeno porte, facilmente identificada por seus espinhos.

É a primeira floração dela em nosso cultivo. Planta difícil de cultivar! Tivemos que enxertar. Bem delicada e de crescimento muito lento.

 (foto de Ernesto Lins)
                                                    (foto de Ernesto Lins)

Achei um dado interessante sobre essa planta - M. theresae é uma das poucas espécies de cactos com frutos criptocárpicos, ou seja, os frutos e as sementes são produzidos e retidos dentro do caule da planta. Depois que a flor é terminada e deixada cair fora, a haste fecha sobre o fruto e a fruta / semente gradualmente amadurece dentro. Nos anos seguintes, o fruto pode permanecer dentro do corpo na axila, ou pode sobressair um pouco. Uma membrana fina estará acima da parte onde a semente madura pode emergir. Como a planta incha com a nova estação de crescimento, as fraturas de membrana, e algumas sementes dos últimos anos podem pouco a pouco cair para baixo e germinar na proximidade, formando pequenas colônias. 
Mas geralmente as sementes permanecem dentro do corpo da planta por vários anos ou por todo o ciclo de vida da planta, e freqüentemente eles serão liberados somente na morte da planta após a desintegração do caule velho. 
É possível coletar frutas e sementes apenas por meio de uma pinça ponta fina. A vitalidade das sementes dura muitos anos e, além disso, as sementes contêm inibidores que os preservam da germinação prematura.Geralmente sementes frescas não germinam muito bem, apenas sementes velhas fazer. A germinação completa deste tipo de semente pode levar vários anos (Alguns brotarão inesperadamente após 5 ou 8 anos!). Por causa da peculiaridade acima, as sementes  raramente estão disponíveis a partir de fontes comerciais. 

Fonte bibliográfica: http://www.cactus-art.biz/schede/MAMMILLARIA/Mammillaria_theresae/Mammillaria_theresae/Mammillaria_theresae.htm


quinta-feira, 9 de março de 2017

MINI SUCULENTAS


E hoje foi dia de trabalhar com as mini suculentas.

#fofurisse # suculentas #succulents


Suculentas em bordadura de vasos

Aqui em casa adoramos colocar suculentas em bordadura de vasos de Adeniuns.
Essa é uma em floração é uma Stapelia sp.
(foto de Ernesto Lins)


PIARANTHUS COMPTUS

O cheiro não é nada bom...

Mas o visual é demais.


As flores e o polinizador!



PIARANTHUS COMPTUS,
ID 7503
Foto de Ernesto Lins





domingo, 5 de março de 2017

Gymnocalycium baldianum

Gymnocalycium baldianum 
(Syn: Gymnocalycium venturianum)


Tem o corpo globoso. Chegar atingir 13 cm de diâmetro na fase adulta. 

Tem espinhos  finos,  castanho pálido ou cinza, tingidos de vermelho na base. 

Produz flores de 3-4 cm de comprimento.






LEUCHTEMBERGIA PRINCIPIS

LEUCHTEMBERGIA PRINCIPIS

Família : Cactaceae

Nome científico :   Leuchtenbergia principis



Tem crescimento lento. Sua raiz principal é tuberosa.

O corpo é composto de  tubérculos triangulares verde-azulados, longos 6-15 cm de comprimento, com manchas vermelho-arroxeadas em suas pontas. Os tubérculos são cobertos com espinhos , o que faz a planta se assemelhar a uma agave.

As flores surgem da aréola, na ponta dos tubérculos na planta madura (pelo menos 4-5 anos de idade) . São grandes, em forma de funil, perfumadas, cor amarelo, 5-10 cm de largura.



Planta fácil de semear a partir de sementes .

domingo, 26 de fevereiro de 2017

GYMNOCALYCIUM RAGONESII


Gymnocalycium ragonesii 

(Syn: Gymnocalycium obductum)
Foto de jeffs bulbesetpots em Flickr

Foto de Rita Elias


Esse talvez seja o mais incomum e desejado cacto do gênero.

Origem: Argentina

Gymnocacalycium ragonesii é um muito pequeno e tem crescimento lento.

Tem o corpo  achatado, escuro, uma coloração castanho-acinzentado, achatado. Chega a ter até 7,5 cm de diâmetro. 

Tem espinhos pálidos curtos, achatados contra cactos, o que o torna um cacto fácil de manusear.

Tem flores de cor  branco, com até 5 cm de diâmetro. Tem longa duração, podendo per
permanecer abertas por até doze dias. 

É necessário cuidado com a exposição solar, para não queimar o corpo da planta.



sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

PIARANTHUS PARVULUS

PIARANTHUS PARVULUS



Piaranthus parvulus é uma espécie aglomerada , que se espalha sobre o solo .
As flores são uniformemente amarelas pálidas .
É uma planta de floração abundante. quando maduro que exigem moderadamente regar durante a época de crescimento, mas desfrutar de muita água e alguns fertilizantes em clima quente, isso os ajuda a flores livremente. 
Deve-se ter cuidado com as regas no inverno, por causa do risco de podridão. Como com a maioria dos asclepiads, é imprudente deixá-los molhados em tempo frio. 
Usamos em nosso cultivo substrato de terra adubada, areia e perlita.
Exposição solar: Sol parcial ou sombra clara 
Tem bom crescimento. São pouco susceptíveis a pragas. 
Propagação: Fácil por hastes da planta.
Planta de coleção . Em breve colocaremos a venda na loja virtual.

Jardim de cactos e agaves

Olha como fica bonito um jardim de cactos e agaves. Combinação perfeita.
Simples e bonito. Muitas vezes "menos é mais".

Beirando o muro vários colunares. A frente agaves na composição .
Adorei!!

Achei essa foto no pinterest. 
(Photo By Jonathan Spears, ASLA)



sábado, 11 de fevereiro de 2017

COLUNARES A VENDA

Lindos cactos colunares a venda na nossa loja:
http://viacacto.loja2.com.br/category/1486498-COLUNARES






Vamos crescer e florescer!!!

Já está na hora de sair da sementeira , e ganhar vasinhos individuais!
Vamos crescer e florescer!!!
Bom dia!!




ASTROPHYTUM ASTERIAS

ASTROPHYTUM ASTERIAS
É uma espécie de Astrophytum muito apreciada por colecionadores.




O corpo da planta não tem espinhos.
Embora cresça muito lentamente, é de fácil cultivo.
As plantas precisam de um solol bem drenado e solto, e de . Eles boa quantidade de luz .
A rega pode ser feito semanalmente durante o verão.
Propagação: Por Sementes.

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

GRATIDÃO!!!


PLANTA ESPECIAL - HYLOCEREUS UNDATUS

Essa planta é triplamente especial:




_Tem flores noturnas, exuberantes, de cor branca , que podem chegar a 30cm.


_Produz frutos grandes,  comestíveis, muito saborosos.


_É muito utilizada em enxertias.

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

FLORES NO CAMINHO

Voltar pra casa é bom demais. 
Mas, voltar pra casa com tantas flores no caminho, não tem preço...é melhor ainda!!!

Colírio para a alma!!

domingo, 11 de dezembro de 2016

APROVEITE A NATUREZA


HAWORTHIA "WHITE-BEAUTY"

Haworthia 'white-beauty' 

Essa haworthia é uma suculenta muito atraente.




Planta de pequeno porte.


Forma roseta de folhas carnudas verdes que são generosamente cobertas de verrugas brancas, anteriormente e posteriormente. 

Aprecia muita luminosidade, luz solar indireta. 

SENECIO ROWLEYANUS

SENECIO ROWLEYANUS



Suculenta conhecida popularmente como COLAR DE PÉROLAS , PÉROLA VERDE ou ROSÁRIO, por suas folhas terem formatos arredondados, semelhantes a uma ervilha.

Planta nativa de regiões desérticas da África.

Suas flores tem aroma assemelha-se ao da canela.

O cultivo do rosário deve ser em solo bem drenado.

Devem ser regadas uma vez por semana. O encharcamento das raízes acarreta em morte da planta.

Sua reprodução se dá por estaquia. No inverno é necessário manter o substrato quase seco.

Planta bem decorativa. Quando crescida, plantada em vaso pendente dá um efeito visual lindo, como se fosse um lindo colar pendente.

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

FLORES NO CAMINHO

Adeniuns e Dyckias pelo caminho!





"Marco meu caminho com flores. A cada percalço encadeio mais pétalas... Mais pétalas... mais perfume! Mais perfume... mais alegrias!"
(AUTORA: Luciete Valente)